CRAS em Ação e Caravana Digital levam cidadania à Vila Olímpia

A Secretaria Municipal de Assistência Social realizou diversas ações de cidadania hoje (16/08), no bairro Vila Olímpia, no evento “CRAS em Ação” e a caravana Seja Digital. Foram cerca de 700 atendimentos, entre esclarecimentos e encaminhamentos pela equipe da Secretaria, corte de cabelo gratuito, orientação e agendamento para a retirada gratuita do kit conversor de TV digital (antena, aparelho e controle remoto) e oficinas para as crianças.

“Este tipo de ação é muito importante, não só pelas ações realizadas no dia, mas este é muitas vezes o primeiro passo para criarmos um vínculo. E após a aproximação nós conseguimos realizar os encaminhamentos necessários”, disse a Secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Paula Machado.

A ação também contou com a parceria da Secretaria de Saúde, que realizou testes rápidos de HIV, sífilis e hepatite C, com resultados em 30 minutos, aferição de pressão e teste de glicemia, além da equipe de saúde bucal, que realizou aplicação de flúor e deu orientações.

“Eu vim, já fiz meu agendamento para buscar meu kit da TV digital, e agora fui atendida pela equipe do CRAS, fui bem recebida. Está sendo uma ação muito legal, minha neta participou das oficinas e ainda fez aplicação de flúor, fiquei muito feliz”, afirmou Josilda dos Santos, aposentada e moradora da Vila Olímpia.

O kit conversor de TV digital é de responsabilidade da Seja Digital e se deve ao desligamento do sinal analógico de TV programado para o próximo dia 25 de outubro por determinação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), para ter direito ao recebimento gratuito é preciso estar cadastrado em programas sociais do governo federal (ex.: Bolsa Família; Pronatec; Tarifa Social de Energia Elétrica; Minha Casa, Minha Vida; entre outros serviços assistenciais).

Terceira idade participa de festa agostina

A manhã desta sexta-feira (11/8) foi de muita alegria e comidas típicas para os usuários do Centro de Convivência do Idoso e da Juventude, no Centro. Vestidos a caráter, os idosos participaram de uma festa agostina organizada pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos.

“Por meio do centro de convivência, e também no CRAS, promovemos cidadania, interação, integração e inclusão social. É muito bom ver que as pessoas estão felizes. De vez em quando chega algum idoso nos cumprimentando pela criação do polo do idoso, porque tem algum lugar para se divertir e se distrair, ainda mais por morar sozinho. Quando ouço isso, sinto-me realizada, sinto que estou cumprindo uma missão, uma função social, a de tornar a vida de alguém um pouco melhor”, expressou a secretária Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Paula Machado.

O Centro de Convivência do Idoso e da Juventude fica na Rua Eduardo Garcia, nº 64, no Centro de Guapimirim, ao lado da Praça da Emancipação.

Pronatec Voluntário está com inscrições abertas para cursos

O Pronatec Voluntário (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), do Ministério da Educação (MEC), está com inscrições abertas para cursos de educação à distância (EAD) até o próximo dia 18 de agosto (sexta-feira).

Para participar, é preciso ter no mínimo 15 anos. As inscrições poderão ser feitas gratuitamente nas secretarias municipais de Indústria, Comércio, Trabalho e Renda e de Turismo. Estas duas ficam no prédio da antiga Faetec, na Estrada da Caneca Fina, nº 39, no Iconha.

Há vagas para cursos de inglês básico, editor de vídeo, fotógrafo, ilustrador, editor de projeto visual gráfico, assistente administrativo, recepcionista, entre outros.

“CRAS em Ação” e caravana Seja Digital levam cidadania à Vila Olímpia

Haverá corte de cabelo gratuito, teste rápido de HIV, aplicação de flúor e muito mais

Parceria entre a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos e a Seja Digital levará para a praça da Vila Olímpia, no bairro de mesmo nome, o “CRAS em Ação” e a caravana Seja Digital. As ações de cidadania consistem em corte de cabelo gratuito, teste rápido de HIV, aplicação de flúor, aferição da pressão arterial, teste de glicose, orientação e agendamento para a retirada gratuita do kit conversor de TV digital (antena, aparelho e controle remoto) e oficinas para as crianças. Os eventos ocorrerão das 9h às 13h da próxima quarta-feira (16/8).

Para ter direito ao kit conversor de TV digital, é preciso estar cadastrado em programas sociais do governo federal (ex.: Bolsa Família; Pronatec; Tarifa Social de Energia Elétrica; Minha Casa, Minha Vida; entre outros serviços assistenciais). A distribuição dos equipamentos é de responsabilidade da Seja Digital e se deve ao desligamento do sinal analógico de TV programado para o próximo dia 25 de outubro por determinação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Roda de Conversa – Luta pelos direitos da Mulher Negra

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, por meio da Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas de Promoção da Igualdade Racial, realizou na última quarta-feira (26/07) uma roda de conversas para debater sobre o tema “Avanços e Retrocessos da Lei 12.987/2014”.

O evento contou com cerca de 60 pessoas e teve como objetivo conscientizar sobre a luta e a resistência contra a opressão. “A população de Guapimirim não tem conhecimento desta lei tão importante, e este foi um dos motivos pelo qual logo no início deste governo nós criamos esta coordenadoria, para mudarmos esta realidade”, afirmou a Secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Paula Machado.

A lei 12.987/2014 instituiu oficialmente o dia 25 de julho como Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra em homenagem à líder do Quilombo do Quariterê, que reafirma a identidade, a história, a cultura e as reflexões sobre a realidade da mulher negra brasileira, latino-americana e caribenha.

“A lei não é um feriado ou uma festa, é um momento para que o estado entenda que é necessário implantar políticas para as mulheres negras, apenas desta forma haverá inclusão”, afirmou Clatia Vieira, bacharel em Direito e militante ativista do Fórum Estadual de Mulheres Negras.

Ao final do evento os presentes foram convidados para participarem da 3ª Marcha das Mulheres Negras no Centro do Mundo, que acontecerá no dia 30 de julho, em Copacabana. A mesa também contou com a participação da Coordenadora Municipal de Políticas Públicas de Promoção da Igualdade Racial, Fátima Santos e com a Diretora dos Direitos Humanos, Adelia Mattos

Prefeitura assina acordo para a distribuição de antena digital

Guapimirim terá distribuição gratuita de kit conversor para TV digital, composto por um conversor, um controle remoto e uma antena. Terão direito os moradores do município cadastrados em programas sociais do governo federal (ex.: Bolsa Família; Pronatec; Tarifa Social de Energia Elétrica; Minha Casa, Minha Vida; entre outros serviços assistenciais). A distribuição dos equipamentos é de responsabilidade da Seja Digital e se deve ao desligamento do sinal analógico de TV programado para o próximo dia 25 de outubro por determinação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Na última segunda-feira (24/7), o prefeito Zelito Tringuelê firmou parceria com a Seja Digital – entidade sem fins lucrativos responsável pelo processo de digitalização do sinal televisivo no país – para divulgar sobre o fim do sinal analógico na cidade. Também participaram da reunião as secretarias municipais de Assistência Social e Direitos Humanos, Paula Machado, e de Educação, Cecília Pais, e a gerente regional da Seja Digital no Rio de Janeiro, Vivian Bilhim.

“Guapimirim vai aderir, sim, a essa iniciativa de modernização da TV brasileira. A distribuição gratuita do kit para TV digital é uma importante ação de inclusão social e está sendo complementada com outra ação de cidadania, que é um curso de instalação de antenas voltado para os jovens. É uma maneira de tirá-los das ruas e dos perigos da violência”, comentou o prefeito de Guapimirim, Zelito Tringuelê.

“O nosso trabalho tem como objetivo fazer com que a informação sobre o processo de desligamento do sinal analógico de TV chegue a toda a população, para que todos possam se preparar para receber o sinal digital e viver essa nova experiência com qualidade de som e imagem semelhante à de cinema, gratuitamente. Não queremos deixar ninguém para trás”, disse a gerente da Seja Digital, Vivian Bilhim.

A população poderá obter informações sobre o fim do sinal analógico nas unidades do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). Os beneficiários de programas sociais serão orientados sobre o local em que deverão retirar o kit.

A parceria entre a Seja Digital e a administração municipal inclui ações itinerantes em escolas e uma capacitação gratuita aos jovens, para que aprendam a instalar o conversor e a antena. Além de ajudá-los a ter uma renda extra, o aprendizado consiste numa ação de cidadania.

O processo de encerramento do sinal analógico está acontecendo gradativamente em todo o Brasil. Já ocorreu recentemente em São Paulo, em Brasília, e será feito no Rio de Janeiro e em cidades do entorno. Somente em Guapimirim, a estimativa é de que sejam distribuídos 8,2 mil kits para o público-alvo em questão.

Quem já possui televisor digital não precisará se preocupar com a mudança de tecnologia. Já os assinantes de TV por assinatura que assistem certas programações por sinal analógico deverão consultar a operadora se terão acesso aos mesmos canais pelo sinal HD (sigla para alta definição) após o desligamento.

Depois do dia 25 de outubro, caso algum assinante de TV paga queira continuar assistindo algum canal aberto em sinal digital não incluído na sua operadora, basta sintonizar a antena externa.

Para mais informações, consulte uma unidade do CRAS, acesse o site www.sejadigital.com.br ou ligue grátis para o número 147.

Prefeitura realiza 9ª Conferência de Assistência Social

Foi realizada neste sábado (15/07), a 9ª Conferência Municipal de Assistência Social. O evento aconteceu na Escola Municipal Professora Acácia Leitão Portella e teve como objetivo a elaboração de estratégias para o aprimoramento dos serviços a partir do tema “Garantia de Direitos no Fortalecimento do Sistema Único de Assistência Social (SUAS)”.

Na abertura do evento, o Prefeito Zelito Tringuelê, agradeceu a presença de todos e afirmou que “é muito gratificante ver tanta gente interessada em melhorar”, e lembrou do programa Prefeito no seu Bairro, “me sinto muito realizado por estarmos aqui hoje para ouvir vocês, esta foi uma promessa de campanha, e até o final do mandato nós vamos continuar ouvindo vocês”.

“Em quase sete meses de mandato muita coisa já foi feita, mas ainda falta muito para chegarmos aonde queremos. E esse é um passo muito importante, pois aqui nós escutamos de vocês o que é preciso ser feito”, complementou o Vice-prefeito e Secretário da Casa Civil, Pastor Ricardo.

A Secretária de Assistência Social e Diretos Humanos, Paula Machado, ainda lembrou que “a conferência é o momento de avaliar a situação atual da assistência social e debater novas diretrizes para aperfeiçoamento do SUAS”, e prometeu, “estamos trabalhando para que até 2021 a Assistência Social de Guapimirim seja referência no estado”.

Após a abertura que contou com uma apresentação da orquestra da Escola e Acadêmia de Música AdoraSom, foi feita a leitura do regimento interno da conferência, seguido pela palestra sobre o tema central com a Presidente do COEGEMAS e Secretária de Assistência Social e Diretos Humanos de Tanguá, Daiana Silveira, que reforçou que “as políticas de assistência social são para quem precisa delas”.

Em seguida foram formados grupos, onde cada um debateu um dos quatro eixos que regem a conferência, sendo eles: a proteção social não-contributiva e o princípio de equidade como paradigma para a gestão dos direitos socioassistenciais, a gestão democrática e controle social: o lugar da sociedade civil no Suas, o acesso às seguranças socioassistenciais e a articulação entre serviços, benefícios e transferência de renda como garantias de direitos socioassistenciais e a legislação como instrumento para uma gestão de compromissos e corresponsabilidades dos entes federativos para a garantia dos direitos socioassistenciais.

Após o período de reunião dos grupos, todos votaram entre as propostas elaboradas para cada eixo as que serão levadas ao Conselho Estadual de Assistência Social, além seis representantes do município que irão participar da 11° Conferência Estadual de Assistência Social.

Entre as autoridades que integraram a mesa também estiveram o Secretário Municipal de Saúde, Marco Appolinário, a Secretária de Educação Cecília País, o Presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Luciano de Souza. Além de estarem presentes o Subsecretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Urias Fernandes, Subsecretário de Indústria, Comércio, Trabalho e Renda, Léo Guimarães e o Subsecretário de Segurança, Ordem Pública e Defesa Civil, Leonardo Fuly.

O evento que foi direcionado a profissionais, usuários e entidades da área, bem como toda sociedade, também contou com uma tenda onde era possível conhecer mais é sobre o programa Família Acolhedora, e outra da Secretaria de Saúde estavam disponíveis vacinas contra febre amarela, HPV e meningite. Além de expositores com doces e artesanato da Pestalozzi, do ABAS, Associação Nascente Pequena, Associação Águia Resgatando Vidas, Associação Guapiense de Integração Renovadora e Projeto AdoraSom.

Conselho tutelar comemora 27 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente

Foi celebrado ontem (13/07), o 27º aniversário da Criação do Estatuto da Criança do Adolescente (ECA). Durante estes anos o Estatuto se consolidou como principal ferramenta para avanço das garantias dos direitos de crianças e adolescentes. Para lembrar a data, o Conselho Tutelar de Guapimirim que tem hoje 3.849 prontuários existentes, promoveu uma cerimônia de comemoração no auditório do Colégio Estadual Alcindo Guanabara, no Centro.

“Nosso Estatuto é forte e com muitas ferramentas para proteção, o que temos de problema é a falta de conhecimento destes recursos e de que todos nós temos o dever de proteger nossas crianças e adolescentes”, afirmou o Juiz da 1ª Vara de Guapimirim, Dr. Raphael Baddini.

Durante o evento foram ofertadas menções honrosas destacando pessoas e instituições que fazem a diferença na vida das crianças e adolescentes de Guapimirim, sendo eles: o Juiz da 1ª Vara de Guapimirim, Dr. Raphael Baddini, o Secretário de Cultura, Luís Cláudio de Oliveira, a Fundadora do Flutuarte Social, Ana Cecília Viegas, a ex-funcionária do Conselho Tutelar, Rosilene do Espírito Santo, o Coordenador do projeto AdoraSom, Alex Rocha de Almeida, o Subtenente Reformado da Polícia Militar, Luis Carlos Godinho, a Coordenadora do Ministério Infantil da Igreja Metodista, Glaucia Fraga, a Diretora da E. M. Tuffy Nicolau Habbib, Maria da Glória Moreno, a Coordenadora Pedagógica do Colégio Estadual Alcindo Guanabara, Marinete Seixas, a Diretora da Creche Municipal Pedro Gonçalves de Lima, Kelly Roberta Gonçalves, o Instituto Maria de Lourdes e a Associação Pestalozzi de Guapimirim.

O conselheiro tutelar Daniel Peres, reforçou que “a realidade das nossas crianças e adolescentes que hoje se encontram em situação de risco só vai mudar com a nossa participação. Precisamos nos unir para lutar pelos nossos jovens”. O evento também contou com a presença da Secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Paula Machado, que convidou a todos para participarem da 9ª Conferência Municipal de Assistência Social 2017, que acontecerá amanhã (15/07), e tratará da Garantia de Direitos Fundamentais do Sistema Único de Assistência Social.

Ao final da cerimônia foram apresentadas estatísticas do Conselho nos anos de 2016 e 2017. Entre as autoridades que integraram a mesa também estiveram o Procurador de Justiça, Dr. Paulo Rabha de Mattos, a Coordenadora do Conselho Tutelar de Guapimirim, Daniele Getrudes, a Coordenadora da Associação Estadual de Conselheiros Tutelares do Estado do RJ, Cheila Ludovido e a aluna do CEAG, Carla dos Santos.

O Conselho Tutelar é um órgão do Sistema de Garantia de Direitos de Criança e do Adolescente e tem a função de tomar providências em casos de ameaças ou violação de seus direitos. Para denuncias entre em contato com o órgão pelos telefones: 2632-7111 ou 9.9011-5609, pelo contato nacional no Disque 100 ou diretamente a sede do Conselho Tutelar de Guapimirim, na Rua Abraão, 50, em Parada Modelo.

Conselho tutelar comemora 27 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente

Foi celebrado ontem (13/07), o 27º aniversário da Criação do Estatuto da Criança do Adolescente (ECA). Durante estes anos o Estatuto se consolidou como principal ferramenta para avanço das garantias dos direitos de crianças e adolescentes. Para lembrar a data, o Conselho Tutelar de Guapimirim que tem hoje 3.849 prontuários existentes, promoveu uma cerimônia de comemoração no auditório do Colégio Estadual Alcindo Guanabara, no Centro.

“Nosso Estatuto é forte e com muitas ferramentas para proteção, o que temos de problema é a falta de conhecimento destes recursos e de que todos nós temos o dever de proteger nossas crianças e adolescentes”, afirmou o Juiz da 1ª Vara de Guapimirim, Dr. Raphael Baddini.

Durante o evento foram ofertadas menções honrosas destacando pessoas e instituições que fazem a diferença na vida das crianças e adolescentes de Guapimirim, sendo eles: o Juiz da 1ª Vara de Guapimirim, Dr. Raphael Baddini, o Secretário de Cultura, Luís Cláudio de Oliveira, a Fundadora do Flutuarte Social, Ana Cecília Viegas, a ex-funcionária do Conselho Tutelar, Rosilene do Espírito Santo, o Coordenador do projeto AdoraSom, Alex Rocha de Almeida, o Subtenente Reformado da Polícia Militar, Luis Carlos Godinho, a Coordenadora do Ministério Infantil da Igreja Metodista, Glaucia Fraga, a Diretora da E. M. Tuffy Nicolau Habbib, Maria da Glória Moreno, a Coordenadora Pedagógica do Colégio Estadual Alcindo Guanabara, Marinete Seixas, a Diretora da Creche Municipal Pedro Gonçalves de Lima, Kelly Roberta Gonçalves, o Instituto Maria de Lourdes e a Associação Pestalozzi de Guapimirim.

O conselheiro tutelar Daniel Peres, reforçou que “a realidade das nossas crianças e adolescentes que hoje se encontram em situação de risco só vai mudar com a nossa participação. Precisamos nos unir para lutar pelos nossos jovens”. O evento também contou com a presença da Secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Paula Machado, que convidou a todos para participarem da 9ª Conferência Municipal de Assistência Social 2017, que acontecerá amanhã (15/07), e tratará da Garantia de Direitos Fundamentais do Sistema Único de Assistência Social.

Ao final da cerimônia foram apresentadas estatísticas do Conselho nos anos de 2016 e 2017. Entre as autoridades que integraram a mesa também estiveram o Procurador de Justiça, Dr. Paulo Rabha de Mattos, a Coordenadora do Conselho Tutelar de Guapimirim, Daniele Getrudes, a Coordenadora da Associação Estadual de Conselheiros Tutelares do Estado do RJ, Cheila Ludovido e a aluna do CEAG, Carla dos Santos.

O Conselho Tutelar é um órgão do Sistema de Garantia de Direitos de Criança e do Adolescente e tem a função de tomar providências em casos de ameaças ou violação de seus direitos. Para denuncias entre em contato com o órgão pelos telefones: 2632-7111 ou 9.9011-5609, pelo contato nacional no Disque 100 ou diretamente a sede do Conselho Tutelar de Guapimirim, na Rua Abraão, 50, em Parada Modelo.

Caravana ID Jovem é lançada em Guapimirim

Aconteceu na manhã desta quarta-feira (12/7) o lançamento da Caravana Id Jovem, na Escola Municipal Acácia Leitão Portela, em Parada Modelo, Guapimirim. Esse programa federal é o maior passaporte artístico-cultural do país que tem como públicos-alvo jovens entre 15 e 29 anos.

Na ocasião, os presentes puderam desfrutar do talento dos alunos da Escola e Academia de Música AdoraSom, cuja orquestra, comandada pelo maestro Alex Almeida, tocou o hino de Guapimirim; do músico argentino Federico Klurfan, morador de Cachoeiras de Macacu; do jovem Yuri William, da Escola AdoraSom; e da Banda Marcial Geralda Isaura, de Magé.

Participaram do evento o prefeito de Guapimirim, Zelito Tringuelê, o vice-prefeito e secretário da Casa Civil, Pastor Ricardo, os secretários municipais de Assistência Social e Direitos Humanos, Paula Machado; de Educação, Cecília Pais; e de Esportes e Lazer, Nielsen Krizek; as secretárias nacional e estadual de Esporte, Lazer e Juventude, Thaís Nascimento e Jéssica Ohana, respectivamente; e as coordenadoras de Juventude de Guapimirim, Carmen Helena, e de Cachoeiras de Macacu, Nilce do Amaral.

“Estamos fazendo todo o possível para colocar Guapimirim na vanguarda, trazendo o Id Jovem para cá. Eu estava analisando o trabalho da Paula [Machado] e da Carmen [Helena]e pude comprovar a nossa capacidade de organização. Pois, dos quatro municípios participantes, somente Guapi possui uma coordenadoria de juventude”, expressou o prefeito Zelito Tringuelê.

As cidades participantes são: Guapimirim, Cachoeiras de Macacu, Magé e Teresópolis.

“Quero parabenizar o trabalho que vem sendo realizado e destacar o empenho, o esforço e a capacidade da gestora da Assistência Social, a Paula [Machado]. Ela nunca atuou no serviço público, mas depois de seis meses, parece estar nisso há uns 20 anos, porque ela aprendeu a lidar com o serviço público. E quando a gente recebe o desafio de gerir uma pasta e ainda ter que mudar a realidade daquilo que a gente viu, porque durante muito tempo a Assistência Social em nosso município foi vista como um lugar de quebra-galho, e a Assistência não é nada disso. É uma garantia de direitos”, comentou o vice-prefeito e secretário da Casa Civil, Pastor Ricardo.

“(…) Queria falar para a juventude sobre os CRAS, procurem os CRAS e informem-se sobre os programas voltados para a juventude”, recomendou a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Paula Machado.

“Estou muito emocionada com esse evento. Estou tão agradecida por esse momento e pela oportunidade que recebi de poder trabalhar livremente com a juventude de Guapimirim (…); acho que é um fato muito importante para a nossa cidade, para trazermos projetos e inovação de governo, porque a juventude de Guapimirim estava desamparada. Agora a juventude tem mulheres e pessoas que querem cuidar delas, e nós estamos de braços abertos para isso, para desenvolvermos um trabalho inovador”, sustentou a coordenadora Carmen Lúcia.

“Achei muito bacana a iniciativa do prefeito [Zelito Tringuelê] de trazer para Guapimirim o programa Id Jovem. Isso mostra o empenho, a preocupação e a sensibilidade da Prefeitura [de Guapimirim] com a juventude. O Id Jovem é um programa importante que vai garantir direitos e acesso à cultura, esporte e educação, então eu queria colocar a Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude à disposição. Fiquei feliz demais com o evento em Guapimirim, foi um sucesso. A capacidade de mobilização da juventude dos municípios do entorno é fantástica (…)”, opinou a secretária estadual de Esporte, Lazer e Juventude, Jéssica Ohana.

Os vereadores Alessandra Lopes e Osvaldo Pereira também estiveram no lançamento do programa. A parlamentar representou a Câmara Municipal na assinatura do documento de adesão de Guapimirim à Caravana Id Jovem. O acordo também foi firmado pelo secretários de governo.

Na parte da tarde, o público participou de um seminário de juventude pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), onde foram informados os direitos que eles têm a respeito de gratuidade e descontos em shows, cinema, teatro, jogos, passagem de ônibus interestadual, entre outros.13