Guapimirim é homenageado em cervejaria no Leblon

O município de Guapimirim foi homenageado pela Cervejaria Jeffrey, no Leblon, Zona Sul do Rio, na tarde dessa quarta-feira (15/11), por conta do aniversário de 27 anos de emancipação neste mês de novembro.

“Esta é uma pré-celebração do aniversário da cidade. Eu convido vocês a conhecerem Guapimirim. Temos belas cachoeiras, trilhas, pousadas e o [pico] Dedo de Deus”, disse o prefeito Zelito Tringuelê.

A Jeffrey está em processo de instalação de sua nova fábrica em Guapimirim. O evento teve um show do cantor Dudu Nobre, que se apresentará no próximo dia 23 de novembro na Cotia.

Além de conhecer um pouco sobre os pontos turísticos de Guapimirim, o público presente conheceu um pouco do artesanato e dos alimentos orgânicos produzidos por produtores rurais locais, tais como queijos, mel de abelha, cachaça e hortaliças.

Produtores rurais e artesãos de Guapimirim participarão de festa de cervejaria no Rio

Produtores rurais e artesãos de Guapimirim participarão da festa da Cervejaria Jeffrey amanhã (15/11), das 12h às 22h, na Rua Tubira, nº 8-C, Leblon, Zona Sul do Rio. Esses profissionais vão expor seus produtos no evento celebrará o aniversário de 27 anos de Guapimirim.

“A festa não seria completa sem os produtores rurais e artesãos de nossa cidade apresentando suas mercadorias. Queremos que as pessoas de fora conheçam a nossa cidade, o que produz, as nossas belezas naturais (…); se queremos que nossa cidade seja visitada por turistas, temos de ir até eles e apresentá-la”, disse o prefeito Zelito Tringuelê.

A entrada é gratuita.

Guapimirim realiza conferência para discutir agronegócio com sustentabilidade

Mesa de abertura

‘Sustentabilidade no agronegócio’. Esse foi o tema da I Conferência Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável ocorrida na manhã desta terça-feira (31/10), na Pousada Sonho Verde, em Guapimirim. O evento foi promovido pela Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, por meio do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável, e contou com o apoio da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Rio de Janeiro (Emater-Rio), Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário da Presidência da República (Sead) e Banco do Brasil. Cerca de 100 produtores rurais compareceram.

Participaram da mesa de abertura o prefeito de Guapimirim, Zelito Tringuelê, o vice-prefeito Pastor Ricardo, o secretário Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, Daniel Eugênio, o subsecretário Urias Fernandes, o supervisor de Atendimento do Banco do Brasil José Rogério Bezerra, a delegada da Sead Danielle Barros e o supervisor da Emater-Rio Edson Cruz.

“Vocês não sabem a alegria que senti quando entrei e me deparei com esse banner da conferência. O município de Guapimirim está completando 27 anos, é o segundo maior produtor de mandioca e de banana [da Baixada Fluminense], e nesse tempo todo agora é que realiza sua primeira conferência [voltada para o agronegócio]. Eu me senti muito orgulhoso, mas também com vergonha, pois como pôde passar tanto tempo para que o produtor rural pudesse ter um pouco de respeito dentro do município (…); para mim também está sendo muito prazeroso poder comprar das mãos dos produtores locais, por meio da Secretaria Municipal de Educação, os alimentos para a merenda escolar. Eu quero comprar mais de vocês [produtores], por isso preciso que produzam mais”, expressou o prefeito Zelito Tringuelê.

“É uma alegria estarmos realizando uma nova conferência, tendo em vista que a Prefeitura [de Guapimirim] já realizou outras este ano em outras áreas (ex.: Cultura, Promoção da Igualdade Racial, Saúde, Assistência Social etc.). Estou na política já há algum tempo, mas é a primeira vez que exerço um mandato num governo, e eu me sinto com muita sorte, porque faço parte de um governo que está entendendo a nossa cidade. Quando criamos nosso programa de governo [durante a campanha eleitoral], colocamos a agricultura como uma de nossas prioridades (…)”, declarou o vice-prefeito Pastor Ricardo.

“Quero agradecer a todos que puderam estar aqui hoje nos prestigiando e que acreditam em nossos projetos para o agronegócio em Guapimirim”, disse o secretário Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, Daniel Eugênio.

“Espero que esta conferência não seja o esgotamento de obrigação funcional, mas o momento de provocar novas situações de fortalecimento do segmento agropecuário, pois é este setor, o ‘agrobusiness’, que tem segurado a economia nacional, mas é o agricultor familiar que alimenta o brasileiro, porque a maior produção do grande produtor vai para a exportação, mas é o produtor familiar que alimenta cerca de 80% do povo do nosso país”, destacou o subsecretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Urias Fernandes.

“(…) Hoje quem comanda a economia no Brasil é a agricultura, que está batendo recordes de exportações. É a agricultura familiar que alimenta o brasileiro (…); esta conferência vai muito além do evento aqui hoje. Ela tem que aparecer para quem não conhece a agricultura e para os nossos políticos que não conhecem a agricultura familiar. É a agricultura familiar que promove a sustentabilidade (…)”, falou o supervisor da Emater-Rio Edson Cruz.

“Estou muito feliz de estar aqui. Participar desta conferência é um privilégio, saber que ela está acontecendo nos dá um certo conforto e tranquilidade, porque essa é uma recomendação de governo para que possamos dialogar com o público sobre as questões da agricultura, não só na esfera municipal, mas também na estadual e na federal. Nós, enquanto Delegacia do Desenvolvimento Agrário, nos sentimos honrados de participar deste momento”, comentou a delegada da Sead Danielle Barros.

“Agradeço à Prefeitura [de Guapimirim] pela oportunidade estar nesta conferência”, agradeceu o supervisor de Atendimento do Banco do Brasil José Rogério Bezerra.

Palestras

Durante a conferência ocorreram três palestras, sendo a primeira sobre o Sipaf, o Selo da Agricultura Familiar, com a delegada da Sead Danielle Barros. A segunda foi sobre Crédito Rural, com o supervisor de Atendimento do Banco do Brasil José Rogério Bezerra. E a terceira palestra foi sobre o Diagnóstico Rural do município, com o supervisor da Emater-Rio Edson Cruz.

GuapiAgro

Durante o evento foi distribuída a primeira edição da revista GuapiAgro, a revista do produtor rural de Guapimirim. A publicação é uma prestação de contas sobre o que a atual gestão, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, fez nos 10 primeiros meses de governo. Para falar sobre o agronegócio em Guapimirim é preciso olhar o antes e o agora. Dentre as inúmeras ações desenvolvidas só em 2017, é importante salientar: a distribuição de triturado para adubo que é cedido gratuitamente aos produtores locais; a emissão da Guia de Trânsito Animal (GTA); a criação da Sala do Produtor Rural no início do ano; a consultoria a produtores rurais sobre plantio, irrigação, produção e crédito; a legalização de mais de 40 produtores, desse modo combatendo a evasão fiscal etc.

Guapimirim se prepara para integrar o futuro Consórcio Intermunicipal de Agricultura da Baixada Fluminense (Ciabaf). Sua adesão já foi aprovada pela Câmara Municipal. As discussões começaram no início deste ano com as prefeituras da região.

O material também traz novidades e esperanças para o agronegócio na cidade, tais como: 1) a criação do futuro Mercado do Produtor, em Parada Modelo, onde os produtores rurais poderão escoar a produção em Guapimirim; 2) a nova aposta da atual administração, como os investimentos para a criação de tilápias. Além do elevado potencial do mercado consumidor, a pele desse peixe pode ser usada em tratamento de vítimas de queimaduras. Até o momento, 31 pecuaristas já foram cadastrados junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Pesca; 3) vale destacar que em breve a prefeitura disponibilizará o Serviço de Inspeção Municipal (SIM) para certificar e garantir a qualidade dos produtos que chegam à mesa do consumidor.

E vem muito mais por aí…

 

* Crédito fotos: Bruno Grosman

 

Secretaria de Agricultura apresenta a vereadores os trabalhos desenvolvidos em prol do agronegócio

Vereadores da Câmara Municipal participaram de um encontro na Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, no Bananal, na manhã desta quinta-feira (26/10). Lá, eles puderam conhecer os principais trabalhos e projetos desenvolvidos pela secretaria em prol do agronegócio, os quais foram apresentados pelo secretário Daniel Eugênio e pelo subsecretário Urias Fernandes. Os parlamentares presentes foram o presidente do legislativo, vereador Halter Pitter, e os vereadores André Azeredo, Cláudio Vilar (Magal), Osvaldo Pereira e Rosalvo Domingos (Rosalvo Filho). Pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Rio de Janeiro (Emater-Rio) participou o médico veterinário Ronaldo de Faria.

Os parlamentares puderam conhecer vários projetos, entre eles o de criação do futuro Mercado do Produtor, em Parada Modelo. Lá, os produtores rurais locais poderão escoar a produção e incentivar o crescimento do mercado interno, combater a evasão fiscal, gerar mais empregos e renda e aumentar a arrecadação municipal.

Outra aposta da Prefeitura de Guapimirim é a futura criação de tilápia. Além do consumo, a pele desse peixe pode ser usada em tratamento a vítimas de queimaduras, e os ossos podem ser transformados em ração para animais.

O secretário contou que a Secretaria de Agricultura doa triturados para o adubo, distribui sementes e mudas de hortaliças, oferece consultoria técnica sobre plantio e irrigação, entre outras ações.

Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal, Halter Pitter, elogiou a iniciativa, ao sustentar que foi a primeira secretaria que convidou os parlamentares para apresentar os trabalhos desenvolvidos.

* Crédito fotos: Lucas Nascimento

Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca realizará conferência no dia 31 de outubro

A Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca – por meio do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável – realizará a I Conferência Municipal de Desenvolvimento Rural de Guapimirim sob o tema “Sustentabilidade no Agronegócio”, das 8h às 13h do próximo dia 31 de outubro (terça-feira). O evento acontecerá na Pousada Sonho Verde, na Rua Comandante Bacelar, nº 114, no Centro.

O objetivo é promover políticas públicas de incentivo e desenvolvimento do agronegócio na cidade, acrescentou o secretário Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, Daniel Eugênio.

Veja a programação

8h – Credenciamento

8h30 – Café da manhã

9h – Sessão solene de abertura e formação da mesa das autoridades

9h30 – 1ª Palestra: Crédito Rural
Palestrante: José Rogério Bezerra – supervisor de atendimento do Banco do Brasil

10h – 2ª Palestra: Sipaf – Selo da Agricultura Familiar
Palestrante: Danielle Barros – delegada do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA)

10h30 – 3ª Palestra: Diagnóstico Rural
Palestrante: Edson Rodrigues Cruz – supervisor da Emater-Rio

11h – Formação de grupos

11h30 – Plenária: relatoria das propostas

12h – Sessão de encerramento

Produtores Rurais se reúnem para criação de cooperativa

Na tarde da última quinta-feira, 28 de setembro, cerca de 30 produtores rurais do município se reuniram em espaço cedido pela Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca. Com o apoio da Prefeitura de Guapimirim, através da Secretaria de Agricultura, o encontro teve como objetivo principal dar o primeiro passo para a criação de uma cooperativa dos produtores rurais.

Para o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Daniel Eugênio, é fundamental que os produtores rurais do município tenham o apoio do Governo em suas iniciativas. “Estamos aqui para apoiar todas as ações de crescimento dos nossos produtores rurais, isso mostra a união desses trabalhadores. O Governo aplaude a iniciativa, percebendo que os produtores estão se organizando para valorizar cada vez mais os seus produtos”, disse, ressaltando que no início do Governo, a Secretaria de Agricultura tinha apenas 70 produtores cadastrados e, atualmente, conta com cerca de 140 cadastros ativos.

Um dos idealizadores do projeto, o produtor rural Hevilásio Vital, destacou a importância da criação de uma cooperativa. “Temos como meta criar uma cooperativa, visto que hoje temos três associações ativas, mas a situação de pessoa jurídica para uma cooperativa é diferente. Hoje, estamos dando o primeiro passo para firmar e sustentar uma cooperativa, pois os custos são mais altos do que de uma associação. Trabalhamos para o desenvolvimento do produtor e do município e, através de uma cooperativa, será possível firmar parcerias com organizações públicas e iniciativas privadas”, reforçou.

Durante a reunião, o subsecretário da pasta, Urias Fernandes, falou aos produtores presentes, destacando as questões de cooperativismo entre os agricultores. Ao final do encontro, foi aberto um debate para esclarecer as dúvidas dos produtores acerca da criação de uma cooperativa.

 

Prefeitura de Guapimirim compra alimentos de produtores locais para merenda escolar

Pela primeira na história de Guapimirim, a Prefeitura comprou alimentos de produtores locais para a merenda escolar. Nessa segunda-feira (28/8), foi feita a primeira entrega de produtos como aipim e abóbora. A medida faz parte do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), que determina, por meio da Lei nº 11.947/2009, que ao menos 30% dos alimentos servidos nos colégios da rede pública sejam adquiridos de produtores da agricultura familiar, cujo intuito é incentivar a economia sustentável nas comunidades.

Para o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Daniel Eugênio, e o subsecretário da pasta Urias Fernandes, trata-se de um “acontecimento histórico” na cidade, porque ocorre no momento que a administração municipal busca alavancar o agronegócio em Guapimirim.

Agricultores poderão devolver embalagens de agrotóxicos entre os dias 22 e 24 de agosto

Agricultores de Guapimirim poderão devolver as embalagens vazias de agrotóxicos entre os dias 22 e 24 de agosto próximos. A coleta itinerante é uma parceria entre a Prefeitura de Guapimirim, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, e a Associação de Revendedores de Agrotóxicos da Região Serrana Fluminense (Arasef), e ocorrerá nos bairros da Cotia, Vale das Pedrinhas, Paraíso, Orindi e Parada Ideal. A ação é apoiada também pelo Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (InpEV) e pela Empresa de Assistência Técnica de Extensão Rural do Rio de Janeiro (Emater-Rio).

Para o secretário Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, Daniel Eugênio, a devolução dos vasilhames é de suma importância por tratar-se de uma responsabilidade socioambiental. A destinação correta das embalagens ajuda a evitar maiores danos ambientais. Antes da Lei federal nº 9.974/2000, as embalagens eram incineradas, enterradas ou jogadas em rios.

Veja o cronograma da coleta itinerante:

22/8 – das 9h às 16h – Rua Marta Alcântara Fares, bairro Cotia. Em frente à imobiliária.

22/8 – das 9h às 16h – na Associação AdoVale

23/8 – das 9h às 12h – Em frente à Escola Municipal Celina Correa da Silva, bairro Paraíso

23/8 – das 13h às 16h – Em frente à Escola Municipal Claudineia Pereira da Costa Cardoso, bairro Orindi

24/8 – das 9h às 16h – Praça de Parada Ideal

Secretaria de Agricultura realiza workshop sobre alimentação saudável e sustentabilidade

A Prefeitura de Guapimirim, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, realizou no último sábado (24/06), um workshop sobre alimentação saudável, sustentabilidade e qualidade de vida. O evento que teve como objetivo incentivar o consumo de produtos da agricultura sustentável foi realizado na Praça da Emancipação, no Centro.

Na ocasião foram apresentadas opções de refeições saudáveis feitas a partir de alimentos que seriam desperdiçados. Como doce de casca de tangerina, requeijão com talos de couve e de espinafre, suco de capim limão e bolo da casca de banana, entre outros.

No decorrer do workshop, quem passava pelo local pôde degustar e conhecer as receitas feitas a partir do reaproveitamento e foi alertado sobre o aspecto e o sabor do alimento saudável e sem desperdício, que também torna a alimentação economicamente viável.

Prefeitura de Guapimirim distribui 250 sementes e mudas de árvores

A Prefeitura de Guapimirim, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, distribuiu cerca de 250 sementes e mudas de árvores durante a feira verde, no último dia 9 de junho, em comemoração à Semana do Meio Ambiente. São mudas de árvores frutíferas e árvores pré-nascidas. Vale destacar a distribuição de sementes de abóbora, chicória, coentro, entre outras hortaliças.

“A ideia é criar a mentalidade da importância da horta em casa, criar no aluno a mentalidade de respeito ao meio ambiente, para que possam despertar o sentimento de que podem cuidar do planeta”, expressou o secretário municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, Daniel Eugênio.

As sementes foram distribuídas tanto para a população quanto para alunos da rede municipal de educação que estiveram presentes no evento.