Fique por dentro

Novos rumos para a agricultura na Baixada

Postado por Ascom em 03/mai/2017 - Sem Comentários

O vice-prefeito e secretário da Casa Civil de Guapimirim, Pastor Ricardo, assinou, nesta quarta-feira (3/5), carta de intenção para criar o Consórcio Intermunicipal de Agricultura da Baixada Fluminense (Ciabaf). O evento reuniu representantes de outros municípios da região, do Ministério da Agricultura, Pesca e Pecuária (Mapa), do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), da Pastoral da Terra e agricultores, e aconteceu no campus da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), no bairro Moquetá, em Nova Iguaçu.

“Estamos vivendo um momento diferente na Baixada Fluminense. A gente sempre ouve dizer que a nossa produção agrícola vai para a Ceasa (Central de Abastecimento do Estado do RJ), gera imposto e renda para o Rio de Janeiro e volta mais cara para os nossos municípios. E essa conversa não é de agora, é antiga. O que está acontecendo aqui me fez lembrar da frase de um amigo meu que dizia: ‘quem quer dar um jeito, quem não quer dar uma desculpa’. Parabenizo a iniciativa de quem decidiu dar um jeito (…); temos o exemplo dos nossos secretários de Agricultura que tiveram a iniciativa (…); e a gente já está aqui reunido hoje, porque as pessoas decidiram dar um jeito e parar com a desculpa. Parabéns a todos. Guapimirim está muito feliz com isso. Estou representando o prefeito Zelito Tringuelê com muito orgulho. Sei que ele está feliz com isso, e quero dizer que os municípios podem contar com a nossa parceria, com o nosso companheirismo. Estou certo de que essa é uma ideia que veio para ficar, veio para dar certo, e daqui a pouco a gente vai estar colhendo os frutos que plantamos aqui”, expressou Pastor Ricardo.

Os preparativos para a criação do novo consórcio começaram em janeiro deste ano e já estão bem adiantados.

O vice-prefeito foi acompanhado do secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Daniel Eugênio, e do subsecretário Urias Fernandes.

Durante o evento, o prefeito de Japeri, Carlos Moraes, instou seus pares a darem maior atenção à preservação de aqüíferos, por considerar que a água é vital para a agricultura.

Na ocasião, os organizadores do encontro informaram que a Prefeitura de Belford Roxo havia manifestado interesse em participar do Ciabaf. Até então, já tinha declarado apoio as cidades de Guapimirim, Magé, Nova Iguaçu, Japeri, Duque de Caxias, Mesquita e Paracambi.

Do lado de fora do auditório da universidade, agricultores das cidades participantes venderam seus produtos numa feirinha. Foi uma pequena mostra do que a região produz.

Deixe uma resposta