Fique por dentro

Restos de poda de árvores vão virar adubo em Guapimirim

Postado por Ascom em 11/jan/2017 - Sem Comentários

A prefeitura de Guapimirim encontrou uma solução ecológica e eficaz para as toneladas de resíduos que são coletados diariamente nas ruas e praças da cidade. A partir de agora, todos os materiais provenientes das podas de árvores do município serão transformados em adubos orgânicos e fornecidos gratuitamente aos agricultores locais. Uma parte também será destinada às praças, escolas e áreas públicas com jardins.
 
Antes de serem trabalhados, os materiais passam por um processo de separação. Em seguida, são triturados e misturados a um inoculante – que pode ser o esterco de bovinos ou aves – responsável por enriquecer as partículas. Na ausência de um deles, também serão utilizados um ferrimento biológico, como o Bocashi. 
 
A iniciativa é da secretaria municipal de agricultura, que seguindo o pedido do prefeito Zelito Tringuelê, iniciou os trabalhos já na segunda semana, após o início da nova gestão.
 
Segundo o secretário municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca (SMAP) de Guapimirim, Daniel Eugênio, a proposta reduz o volume do material orgânico no local e fornece uma destinação legal aos resíduos, já que segundo ele, há anos estes itens são recolhidos e despejados sem a devida atenção.
 
“Com isso, atendemos a uma demanda antiga dos pequenos produtores que precisam deste material”, afirmou Daniel. 
 
Já para o técnico e subsecretário de Agricultura, Urias Fernandes, uma das principais vantagens desse processo é o baixo custo e a qualidade do adubo.
 
“Ele atua como um recuperador da estrutura física do solo, o que evita a falta de compostos naturais necessários para o crescimento saudável da planta e das produções”, explicou Urias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *